Amazon AWS - Tela de Login - Criação de Cadastro

Como configurar a Amazon SES para enviar campanhas de email marketing com o GemMail em 15 minutos

No GemMail existem várias opções de APIs  para serem usadas em suas configurações de Servidores de Entrega, o que permite grande flexibilidade para administrar suas campanhas.

Para nós, a combinação do GemMail com os servidores de entrega da Amazon SES é extremamente poderosa e certamente é a que mais recomendamos, principalmente pelo custo benefício.

Neste breve tutorial, mostraremos como configurar o serviço SES (Simple Email Service) da AWS (Amazon Web Services) e estamos supondo que você já tenha criado contas, tanto na AWS, quanto no GemMail. E caso não tenha feito, basta clicar nos links e efetuar os cadastros.

Assista o tutorial em Vídeo

Siga o passo a passo e aprenda a configurar o SES da Amazon:

Passos par criar o SES na AWS

  1. Login AWS
  2. Acessar o SES
  3. Escolher a Região
  4. Verificar o Domínio
  5. Verificar o Email de Envios
  6. Criar Usuário IAM com acesso programático e atribuir permissões AmazonSESFullAccess e AmazonSNSFullAccess
  7. Peça para a Amazon aumentar os Volumes de envio e retirar sua conta do SandBox.

Passos par Configurar o Servidor de Entregas no GemMail com o SES da AWS

  1. Login no GemMail
  2. Acessar Servidores > Criar Novo Servidor > Amazon SES Web Api
  3. Inserir dados da Amazon
  4. Verificar Servidor

Configurações na Amazon AWS

1 - Entre na Amazon AWS

– Acesse a página do Console da Amazon AWS e Faça o Login.

site: https://aws.amazon.com/pt/console/

2 - Acesse o Console de Gerenciamento da AWS

– Uma vez logado você estará no dashboard ou “Console de Gerenciamento da AWS”, para facilitar, utilize o Localizador de Serviços e digite “SES” no campo de busca. Selecione o serviço SES – Simple Email Service e Clique nele.

3 - Certifique-se de estar na região correta

– Caso esteja no Brasil e já utilize algum serviço da AWS, é possível que sua região esteja marcada como São Paulo, e se este for o caso você verá um alerta: – “Simple Email Service is not available in América do Sul (São Paulo). Please select another region.”.

Acalme-se, isso não é um problema.

Se vir este alerta, simplesmente escolha uma outra região onde o serviço esteja disponível. Por exemplo: Leste dos EUA (Norte da Virgínia) us-east-1. *

Uma vez que tenha clicado, você terá acesso ao painel do “Amazon Simple Email Service”.

* menu superior à direita da tela

4 - Domains - Verificando um novo domínio.

– Depois de clicar na região de Virginia, você deverá visualizar o painel “Amazon Simple Email Service”.

– Clique em “Manage Identities” ou diretamente em Domains para registrar um domínio.

 – Verifique o Domínio:
– Clique no botão azul “Verify a new Domain”.

– Coloque o nome do domínio no campo de texto “Domain” e selecione “Generate DKIM Settings”.

– Clique em “Verify this Domain

4.1 - Verify a New Domain - Encontrando os dados de DNS do novo domínio ou servidor de entrega.

– Assim que o popup abrir, você terá acesso às informações de DNS necessárias para a validação do seu domínio como um servidor de entregas do GemMail.

Você precisará inserir estes dados nas configurações de DNS do seu provedor de hospedagem para validar o seu domínio, caso contrário, aparecerá no painel do SES o Verification Status: “pending verification”. Enquanto o status estiver não verificado, não será possível enviar emails.
Caso você tenha fechado o popup, pode acessar novamente os dados de DNS e DKIM pelo painel.

4.2 - Criando o DNS da Amazon SES no Route 53

– Route 53 é o serviço que a a AWS oferece para administrar as Zonas de DNS do seu domínio. Se você ou sua empresa não utiliza este serviço pule para a Etapa #6.

 – Se você já utiliza o Route 53 da AWS, a configuração poderá ser feita automaticamente:
i . Clicar no botão azul “Use Route 53”
ii. Selecione o “Hosted Zones” e clique em “Create Record Sets”.

Neste caso a liberação do domínio é feita de forma imediata e as chaves de registro DKIM também podem ser criadas automaticamente

Se o seu site não está na Amazon e você não utiliza o Route 53 para gerenciar os DNSs, confira o tutorial extra no final deste artigo.

5 - Verificando o Email de Envios

Depois de ter validado o seu domínio, é hora de validar o email que será utilizado para fazer os envios.

No painel do SES utilize o Menu lateral esquerdo e acesse: Email Addresses > Verify a New Email Address (botão azul).

Preencha o popup com o email desejado.

Verify a new mail address

A Amazon irá lhe enviar um email de confirmação. Abra o seu webmail ou cliente de email, encontre o email da Amazon e clique no link para confirmar.

Pronto, seu email de envio está verificado. Lembre-se enquanto você estiver no plano Sandbox (praticamente é um ambiente de testes), você apenas poderá enviar emails de e para emails verificados na sua conta. Se isso não fez o menor sentido para você. Relaxe, continue lendo o tutorial.

6 - Crie um usuário no IAM (Identity and Access Management)

Utilize o Menu superior e clique em Serviços para encontrar a painel do IAM. Uma vez no Painel, utilize o menu da lateral esquerda para criar o grupo com as permissões necessárias e o usuário que terá acesso programático. Tanto faz a ordem, mas, pra facilitar, comece com o usuário.

IAM > Gerenciamento de Acesso > Usuário > Adicionar usuário

Insira o nome de usuário desejado, clique no checkbox Tipos de Acesso > Acesso programático.

Na sequência clique no botão azul: “Próximo: Permissões”.

Crie um novo Grupo com as seguintes políticas: AmazonSESFullAccess e AmazonSNSFullAccess.

Clique em criar grupos, ignore a criação de Tags da aba 3 (ou utilize se quiser, isso é opcional).

Na aba 4 (revisar) apenas clique no botão azul: “Criar usuário”.

Na sequência, aparecerá uma tela (aba 5) mostrando que seu usuário foi criado com Êxito. Pronto! Dentro da AWS as configurações estão concluídas.

Por segurança, faça o download da sua chave de acesso e secret key (chave de acesso secreta) que está em CSV.

Você precisará delas para configurar o seu servidor de entregas dentro do GEM.

Agora só falta pedir para a Amazon te liberar do SandBox e aumentar os limites de envios.

7 - Tchau Sandbox! - Aumentando os Limites de envios na Amazon SES

Toda a configuração do Amazon SES está pronta, entretanto, de acordo com as regras da Amazon, sua conta ainda está em período de testes e durante este período você só pode enviar emails dê e para os emails que estão verificados.

Para sair dessa, utilize o menu da lateral esquerda para encontrar: Email Sending > Sending Statistics e clique no botão azul “Request a Sending Limite Increase”.

Assim que clicar no botão você entrará na tela de Suporte da Amazon na área “Create Case”. Mantenha o Box “Service Limit Icrease” selecionado.

Na área “Case classification”, mantenha o campo “Limit Type” com a opção “SES Sending Limits” selecionada.

Todos os demais campos do box são opcionais, porém, aconselhamos que diga a verdade e preencha com as informações que detalham o seu negócio.

No campo “Describe how you will comply with AWS Service Terms and AUP  – optional” que também é opcional, você pode dizer que concorda com os termos da Amazon e que garante que estará dentro das regras.

Lembre-se o suporte é em Inglês, veja abaixo um exemplo de como preencher os campos.

Exemplo de preenchimento do quadro Case classification:

 

Limit type: – “SES Sending Limits”


Mail Type:
– “Marketing”

Website URL:
seudominio.com.br


Describe how you will comply with AWS Service Terms and AUP– optional: – “
We do not send SPAMs and agree with all AWS terms.”


Describe how you will only send to recipients who have specifically requested your mail – optional: – “
Our company uses double opt-in forms that ask users if they want to receive our emails.”

– “All bounced mails are automatically blocked for future sendings.”

Preencha o quadro “Requests” para aumentar o limite de envios diários.

Ex de Request 1:
Region: US East (Nothern Virginia)*

* ou com a região que você escolheu.

Limit: Desire Daily Sending Quota

New Limit value: 6000**

** supondo que você precise de até 6000 envios por dia, porém, use seus próprios critérios

Agora é hora da parte mais importante do formulário: Case Description.

Aqui você deve escrever o porquê de estar pedindo um aumento no limite de envios.

Preencha a descrição e clique sobre o botão laranja: “Submit”.

Agora é só aguardar a aprovação que pode demorar até 24h.

Exemplo de preenchimento do quadro Case Description:

 

Use case description: – “Hello, we are “Company Name” (Nome da sua empresa) and we use e-commerce as the main source of revenue. We currently have a base of 5000 subscribers and we expect to grow this base by x% in the next N months.
We will use SES for both transactional emails and email marketing.”

Agora sim, tudo pronto para entrar no GemMail e finalizar a configuração.

Configurações na sua conta do GemMail

Depois de finalizar as configurações na Amazon é hora de criar o seu Servidor de Entregas no GemMail, siga os passos abaixo:

1 - Faça o Login no GemMail

Se você não se cadastrou, utilize o botão azul “Inicie Grátis” no menu superior desta página.

Caso já tenha terminado o seu cadastro clique em Login no menu superior desta página, na sequência insira seu email de cadastro e senha para acessar o Dashboard do GEM.

2 - Criando um Servidor de Entregas com API da AWS SES

Uma vez que esteja logado, feche o tutorial de início e busque no menu lateral esquerdo a área “Servidores” e clique em “Servidores de Entrega” e depois em “Criar Novo Servidor”.


Caminho:

Servidores > Servidores de Entrega > Criar novo Servidor

Assim que o popup abrir, clique em Amazon SES Web API.

3 - Preencha os Campos Necessários

Primeiro identifique que servidor é este preenchendo o campo: “Nome”

Depois preste atenção nos campos obrigatórios,

preencha os dados conforme o seu cadastro na Amazon SES e salve sua configuração.

Campos importantes:

i. Hostname (conforme a região escolhida na Amazon)

ii. Access Key ID (o mesmo ID que foi gerado no AWS IAM)

iii. Secret Acess Key (a mesma chave secreta gerada no IAM)

Lembre-se estes dados estão no Arquivo CSV que você já debe ter baixado para a sua máquina.

iv. Email do remetente (email verificado na Amazon SES)

v. Nome do Remetente (nome da sua empresa)

Os demais campos são opcionais, entretanto, vale a pena clicar sobre cada um deles para enxergar um quadro com dicas de utilização, principalmente se a sua intenção é utilizar vários servidores ao mesmo tempo, pois, assim você tem um maior controle sobre os limites e frequência de cada servidor. Estas configurações quando bem feitas, ajudam a elevar as suas taxas de entrega e aberturas de emails.

4 - Valide o seu servidor

Depois de preencher os campos corretamente o GemMail pedirá para você validar o servidor de envios.

Insira o seu email verificado na Amazon SES no campo Validar este servidor e clique no botão azul “Validar Servidor”

O GEM enviará um email para o endereço preenchido. Abra o seu Webmail ou cliente de email, copie e cole o link em um navegador.

Pronto! Tudo certo para começar a enviar suas campanhas.

Tutorial Extra: Como verificar o Domínio, caso eu possua um servidor com cPanel ou qualquer outro servidor fora da Amazon?

Existem milhares de servidores e serviços de hospedagem de sites no Brasil e no Mundo, listar todas as maneiras aqui seria praticamente impossível. No exemplo abaixo mostraremos como editar as zonas de DNS de um servidor que possua o painel cPanel, muito comum para administrar servidores Linux.

Verificando o DNS da Amazon SES em um Servidor fora da Amazon.

Uma vez que esteja Logado no seu painel do cPanel, encontre a aba “Domínios” e clique em “DNS Zone Editor”.

Você entrará no painel do Zone Editor, procure o seu domínio e clique em Gerenciar

– Em Zone Editor, clique em “+ Adicionar Registro”. Isso abrirá um campo para inserir alguns dados, escolha o Tipo TXT e coloque a TTL como 1800.

– Lembra-se dos dados de verificação de registro de domínio que a AWS forneceu?

– Pois bem, utilizaremos eles agora. Copie o Nome (TXT Name)  e o Valor do Registro (TXT Value), cole os mesmo nos Campos Nome e Registro.

– Mas e se eu perdi os dados do TXT?

- Calma! Volte pra tela da AWS

Encontre o link Domains no menu lateral esquerdo e agora basta clicar sobre o Nome do domínio desejado. Depois clique em “Verification” para acessar os registros de verificação de DNS. Copie estes dados.

Agora volte mais uma vez para a tela do Zone Editor, cole os dados do TXT e clique no botão azul adicionar registro. Pronto, o código de verificação está registrado em sua zona de DNS.

Atenção, a propagação pode demorar até 48h.

Confira a documentação dos servidores mais usados no Brasil.

Locaweb: https://ajuda.locaweb.com.br/wiki/zona-de-dns-do-registro-de-dominio/

Uol Host: https://uolhost.uol.com.br/ajuda/content/como-criar-entradas-hosts-dentro-do-meu-dominio

Hostinger: https://www.hostinger.com.br/tutoriais/entenda-e-configure-sua-zona-dns/

Hostgator: https://suporte.hostgator.com.br/hc/pt-br/articles/115000389554-Como-configurar-registros-na-Zona-DNS-Avan%C3%A7ada-do-cPanel-

Category
Tags

No responses yet

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *